EnglishPortugueseSpanish
Belo Horizonte,MG (31) 3567-0229
FAÇA SUA DOAÇÃO

DIAGNÓSTICO DO CÂNCER DE RIM

Muitos sinais e sintomas podem sugerir que uma pessoa tenha Câncer de Rim, mas, o diagnóstico só será confirmado após a realização de exames e e biópsias complementares para obter maior precisão e certeza.

Histórico Clínico e Exame Físico

No decorrer da consulta, o médico fará perguntas como seus possíveis fatores de risco, sinais e sintomas que tem sentido, histórico familiar, entre outras condições clínicas que sugerem a presença de um câncer no rim. Além disso, também será feito um exame físico completo para determinar possíveis sinais da doença ou outros problemas de saúde.

Se os sinais e sintomas apresentados sugerirem que o paciente possa ter câncer de rim, serão solicitados exames de imagem, de laboratório e biópsias, para confirmação diagnóstica e estadiamento da doença.

Os exames feitos para auxiliarem o diagnóstico são:

  • Exames de laboratório: Não são habitualmente utilizados para diagnosticar o câncer de rim, mas os resultados podem às vezes serem um primeiro sinal de que pode haver um problema renal.
  • Hemograma completo: É um exame que analisa as diferentes células no sangue, como glóbulos vermelhos, glóbulos brancos e plaquetas. Este exame se encontra frequentemente alterado em pessoas com câncer de células renais.
  • Bioquímica sanguínea: A análise da química sanguínea é feita geralmente em pacientes com câncer de rim, podendo encontrar, por exemplo, elevados níveis de enzimas do fígado embora as razões para isto não sejam conhecidas assim como altos níveis de cálcio no sangue que podem indicar que o câncer se disseminou para os ossos.
     
  • Exame de urinaO exame de urina é realizado, às vezes, como parte de exames médicos de rotina. É provável que seja um dos primeiros exames a serem feitos se existe a suspeita de câncer de rim.

Fonte: Oncoguia

NEWSLETTER

Fique por dentro das novidades da Aspec

Enviar mensagem
ASPEC
Olá,
Podemos ajudar?